Seja bem-vindo. Hoje é

7 de novembro de 2013

ROCAM DO 4ºBPM PRENDE EM BONITO-PE PEDREIRO QUE ESTUPROU E TENTOU MATAR VIZINHA EM GUARULHOS-SP


Lourival, foi preso em Bonito-PE.

A prisão foi efetuada pelo Cabo Cordeiro e soldados Murilo e Mendonça.

            Há aproximadamente 20 dias um crime chocou a população de Guarulhos, no interior do Estado de São Paulo. Uma mulher foi assaltada, estuprada e por pouco não acabou assassinada. O homem que praticou o crime era vizinho da vítima e trabalhou como pedreiro na casa da família. Com um facão na mão, ele abordou Roseli e disse que se tratava de um assalto. Rendida, ela foi obrigada a usar drogas e sofreu abuso sexual; o homem ainda espancou a mulher, que se fingiu de morta para se salvar. Quando a família chegou à residência, o agressor ainda apareceu para perguntar o que tinha acontecido. O acusado estava foragido e vai responder por estupro, tentativa de homicídio e roubo.

         A Polícia Civil de São Paulo foi informada que o acusado estaria escondido na sua cidade natal, Cortês, em Pernambuco. Uma equipe de policiais veio de São Paulo na esperança de prender o bandido, mas não conseguiu localizar o criminoso e voltou. Ao tomar conhecimento de que o criminoso estaria escondido na região, e esde o último domingo o cabo Cordeiro e soldados Murilo, Mendonça, Berenilson, Abenildo e Márcio da ROCAM do Pelotão de Bonito, do 4º BPM se revezavam noite e dia realizarando buscas na área e na manhã desta quarta-feira (06), prenderam Lourival Ferreira da Silva, vulgo “Tiosão” e “Lola”, de 33 anos, que estava no sítio Mucurí, zona rural de Bonito. Ele é pedreiro e morava em Guarulhos há 21 anos e confessou o crime em parte. Ele disse que pulou o muro da casa para assaltar a vítima e desferiu 5 golpes contra ela. No entanto ele nega o estupro.
Equipe ROCAM de Bonito.

          Lourival disse que praticou o delito e 5 dias depois fugiu para Pernambuco. Segundo ele, inicialmente ficou escondido na casa de um primo no sítio onde foi preso e após a investida frustrada da polícia paulista, ele passou a viver na mata, se alimentando de biscoitos, frutas e bebendo água de barreiro e hoje acabou sendo localizado e preso.

          Sem antecedentes criminais, o indivíduo que tem em seu desfavor um mandado de prisão preventiva de Guarulhos, foi entregue à equipe Malhas da Lei de Palmares, que o encaminhou ao presídio Dr. Rorenildo da Rocha Leão em Palmares, de onde será recambiado nos próximos dias para uma unidade prisional de São Paulo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário