Seja bem-vindo. Hoje é

6 de agosto de 2013

GRUPO ACUSADO DE ROUBO A SULANQUEIRO É PRESO E MERCADORIA É RECUPERADA

                                             
                                         
                       
                          
           Adriano estava foragido de Canhotinho, ele já foi preso 5 vezes por assalto.
   
Thiago Oliveira, já foi preso por porte.
    
               
Wedson, que já foi preso por formação de quadrilha, é o dono do carro

                                  

                                  

         
       
                  Orlando Santos, Cardoso e Adeilson.
          O GOPH 02, dos soldados Cardoso, Adeilson e Orlando Santos, estavam com informações de um assalto que aconteceu na última quarta-feira, dia 31 de julho, no bairro Salgado, em Caruaru, quando acusados roubaram vários cortes de malhas de uma fábrica de confecções e no final da tarde desta segunda-feira (05), três suspeitos de terem praticado o roubo estavam em um veículo Parati, de cor cinza, placa NNS-3612, e acabaram presos.

          Wedson Barros da Silva, de 22 anos, que mora no bairro São João da Escócia e já foi preso por formação de quadrilha; Thiago Oliveira Silva, de 28 anos, residente na rua Adelmo Fontoura, no bairro São João de Escócia, preso em outra oportunidade por porte ilegal de armas e José Adriano da Silva, vulgo “Sadam”, de 33 anos, morador da rua Professora Maria Alice, no Riachão, que é foragido de Canhotinho e responde por quatro assaltos.

          Os acusados negaram o assalto, mas o “Sadam” foi reconhecido pelas vítimas. Ele estava fugado de canhotinho há três meses e desde então vinha praticando vários assaltos em Caruaru, inclusive há cerca de um mês ele estava voltando de um assalto acompanhado de um comparsa e deram de cara com uma equipe do 4º BPM, mas conseguiram fugir e na fuga deixaram dois revólveres e duas motos roubadas para trás.

         Os policiais informaram que os três acusados foram interceptados na estrada que dá acesso ao sítio Brejo Novo, e fazendo incursões no local os PMs localizaram a mercadoria em uma casa abandonada, e que os acusados estavam indo no local para buscar o roubo.

         O trio foi apresentado no plantão da Delegacia Regional para o procedimento legal e a apuração do crime.

Nenhum comentário:

Postar um comentário