Seja bem-vindo. Hoje é

24 de novembro de 2012

TRAFICANTE QUE FOI PRESO POR MANDADO DE BUSCA E APREENSÃO É UM BOM EXEMPLO DO DIFÍCIL COMBATE AO TRÁFICO DE DROGAS

Equipe Rocam com Romário, acostumado com as "idas e vindas" à delegacia

       Não bastasse a reincidência no tráfico provocada por menores de idade que têm pouco tempo longe das ruas quando praticam o ato infracional, ainda que nem sempre ocorra o recolhimento deles à Funase, a “recidiva” de criminosos ao comércio ilegal de drogas também ocorre em curto espaço de tempo após a prisão. O indivíduo preso por mandado de busca e apreensão nesta semana é um bom exemplo desse processo que obriga a polícia a recolher repetidas vezes a mesma pessoa por reincidência de ato infracional, crime ou ambos.

       O motivo que levou à detenção de Romário dos Santos Silva, de 19 anos, por policiais militares da Rocam 3 do 4º BPM e equipe Malhas da Lei Caruaru foi um ato infracional correspondente a tráfico de drogas cometido quando ainda menor de idade. Mas já na fase adulta ele foi preso em 27 de abril deste ano por tráfico e solto por livramento condicional em pouco mais de um mês. Como a liberdade, Romário voltou a fazer o que mais sabia, comercializar droga, e foi novamente preso em 7 de julho, para mais uma vez ganhar as ruas um mês depois, até ser preso esta semana mediante mandado de busca e apreensão por antecedente da sua menoridade.

       Este é apenas um exemplo de tantos outros que acarretam em retrabalho para o 4º Batalhão, que mantém seus policiais conscientes do compromisso de buscar sempre o cumprimento do seu dever.

Nenhum comentário:

Postar um comentário