Seja bem-vindo. Hoje é

27 de setembro de 2012

COMANDO DO 4° BPM REALIZA REUNIÃO COM COLIGAÇÕES DE AGRESTINA PARA DEFINIR MEDIDAS PREVENTIVAS

Reunião com as coligações em Agrestina

Reunião com as coligações em Agrestina

O comandante conversa com a tropa sobre a missão

O comandante conversa com a tropa sobre a missão

O comandante conversa com a tropa sobre a missão

         Após a ocorrência de alguns fatos envolvendo as coligações que disputam o pleito eleitoral da cidade de Agrestina este ano, o comandante do 4° BPM, tenente-coronel Givanildo dos Santos decidiu serenar os ânimos e evitar o acirramento da disputa eleitoral, convocando para uma reunião os candidatos majoritários e lideranças de campanha, visando definir medidas preventivas para os demais dias que antecedem as eleições.


        Durante a semana houve a depredação de veículos de uma das coligações, gerando animosidades e possíveis retaliações, o que levou o comandante da companhia local, capitão Fábio Martins, a sugerir o reforço das ações policiais, condição de pronto implementada pelo comandante do Batalhão, que direcionou para o município ações da Ciosac Agreste, do Gati e de uma equipe Força Tarefa que já atua na região na prevenção e repressão de questões que atentem contra a ordem pública no período.

         Na noite desta quarta-feira (26), o tenente-coronel Givanildo esteve em Agrestina e realizou inicialmente uma preleção com a tropa na sede da 4ª Companhia, e em seguida na praça principal da cidade onde expôs aos representantes das coligações o reforço policial disponibilizado, assim como as ações que serão implementadas no período. Na sequência, a reunião ocorreu com os candidatos majoritários e as lideranças de campanha, em momentos distintos, para ouvir as demandas e definir medidas preventivas, como também apresentar o trabalho repressivo desenvolvido pela PM nos casos em que ocorram excessos e perturbações da ordem.

         Ainda no decorrer da noite, os primeiros resultados da ação policial verificou-se com a apreensão de três veículos por irregularidades, sendo um deles levado até a delegacia local, onde foi lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por perturbação do sossego, em razão do uso indevido de equipamento sonoro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário